AS EMPRESAS BRASILEIRAS TERÃO QUE ESTAR PRONTAS PARA AS OBRAS QUE A PETROBRÁS VAI PROPORCIONAR NA ERA CHAMBRIARD

magQuem estava no Pavilhão Brasil durante a realização da OTC, entre os dias 6 e 9 deste mês, em Houston, nos Estados Unidos, teve a oportunidade de conhecer de perto a então futura presidente da Petrobrás, a engenheira Magda Chambriard. Anunciada ontem (14), ela foi escolhida pelo presidente Lula no mesmo dia em que o então presidente da Petrobrás, Jean Paul Prates, brilhava no Texas, recebendo prêmios para companhia, visitando estandes, tirando fotos com os empresários, mas ainda sem saber que, naquele momento, em Brasília, seu nome já estava em cima do telhado. Ninguém percebeu as razões da volta antecipada, e até apressada, de Magda Chambriard para o Brasil, diretamente para Brasília e não para o Rio, onde reside. Aos mais próximos, disse apenas que precisa voltar para resolver algumas coisas, mas já sabia que Lula já tinha escolhido seu nome para dirigir a maior empresa do Brasil, a Petrobrás, com apoio de Rui Costa e do Senador Jacques Wagner.

Na conversa com o Presidente, Lula pode ouvir o pensamento da ex-diretora da Agência Nacional do Petróleo, por dois mandatos e, mais do que isso, o profundoMODULOS conhecimento do setor. Suas ideias vieram de encontro ao que Magda sempre defendeu, a exploração da Margem Equatorial o quanto antes e a retomada das obras semiparalisadas, como o Polo Gaslub, o antigo Comperj. Ela é defensora do fortalecimento das empresas nacionais e do conteúdo nacional. Foi em sua administração na ANP o auge da participação de empresas brasileiras nas obras da Petrobrás. A indústria naval brasileira também receberá um grande incentivo, com a contratação de muitas obras nos estaleiros. E o mercado pode se preparar porque, muito provavelmente, esse período vai voltar, com a experiência que a empresa obteve com o sofrimento da Lava Jato, embora não custe lembrar que é preciso estar com olho no rato e também no queijo, mas mais no rato.

Margem Equatorial

Margem Equatorial

A decisão de Lula apoiar os pensamentos de Chambriard resultará numa provável mexida no tabuleiro de seu ministério. E é o que ele queria fazer há muito tempo, mas nada tem a ver com a chegada Chambriard.  É só uma oportunidade de redesenhar o governo.  Entre as cabeças que devem rolar estará a autora da frase dita em um ambiente internacional que até hoje, os brasileiros de bem não engolem: “No meu país, 120 milhões de pessoas passam fome.” Marina Silva, atual Ministra do Meio Ambiente, que parece estar a serviço das OGNs internacionais, por suas defesas sempre contra o desenvolvimento brasileiro, levantando as bandeiras daqueles que lutam contra o nosso progresso em várias áreas estratégicas. Ou ela se adapta ou sai. Marina e o Ibama estão sentados na licença da exploração da Margem Equatorial de pirraça, colocando obstáculos que podem retardar a exploração daquela região, que pode ser maior do que o pré-sal das Bacias de Santos e Campos e do Espírito Santo, protegendo-se com um manto de imagens falsas de uma suposta barreira de corais na Foz do Amazonas, criadas e divulgadas pelo Greenpeace durante uma audiência pública que discutia a exploração de  toda aquela área. Pelas defesas da ministra, o Brasil deve deixar enterrado no fundo mar, bilhões de barris de petróleo.

Polo Gaslub

Polo Gaslub

O  pensamento de Magda Chambriard é construtivo e, muito provavelmente, a empresa sob sua administração deverá ter um outro entendimento sobre a divisão do bolo do lucro da companhia. Mas será preciso paciência para esperar um posicionamento correto. O dinheiro para o investimento deverá sair de algum lugar. Os acionistas poderiam esperar mais lucros, com investimentos que ela deseja fazer? Essa será a questão. A bolsa em Nova Iorque teve queda nas ações da Petrobrás porque o lucro no primeiro trimestre de 2024 caiu em relação ao último trimestre de 2023, mesmo tendo um lucro líquido de R$ 23,7 bilhões. Nesta quarta-feira (15), o Conselho de Administração da Companhia irá se reunir para a apreciar a demissão de Jean Paul Prates e a posse de Magda Chambriard. O que nos cabe agora é aguardar para ver o que irá acontecer. Quem viver, verá.

1
Deixe seu comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Rogério Faria Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Rogério Faria
Visitante
Rogério Faria

Vamos construir as nossas plataformas e navios no Brasil.